quarta-feira, 15 de abril de 2015

Bolso de cama


Materiais:
  • Tecidos do seu gosto;
  • Tecido liso para o avesso;
  • Fibra acrílica (colante ou comum);
  • Linha para quiltar;
  • Linha para costura;
  • Velcro (lado àspero);
  • Alfinetes;
  • Máquina de costura;
  • Tesoura de tecido;
  • Ferro de passar;
  • Régua.
Moldes:
Base: 30 cm largura X 34cm de comprimento
Bolso maior: 30 X 16cm
Bolso menor: 30 x 12 cm
*CRTL+clique nas imagens para abrir maior
Instruções:
1. Cortar cada molde nas seguintes quantidades: 1x no tecido, 1x na fibra, 1x no forro deixando uma margem para aparar após o matelassê ou quilt (cerca de 0,5cm ao redor de todo molde já é suficiente).


Dica: cada bolso você pode fazer em uma estampa diferente, e também fica legal variar os tamanhos dos bolsinhos. Mas cuidado ao sobrepôr mais que 2 bolsos sobre a base, pois ficará uma camada muita grossa para costurar o viés depois.
2. Passar a ferro os tecidos para remover enrugados, amassados.
3. Se sua fibra for termocolante, pode unir os tecidos à ela enquanto o ferro ainda está quente. Se optar por utilizar fibra comum recomendo alinhavar o “sanduiche”: tecido-fibra-forro.
4. Quilt ou matelassê: será a costura de união do “sanduiche”, que manterá a fibra comportada mesmo após muitas lavagens (pode ir pra máquina de lavar!). Você pode até montar seu bolso de cama sem quilt ou matelasê, mas assim que colocar na água, a fibra irá acumular em algum canto, ou formará feiosas bolotas! Se você nunca quiltou ou matelassou antes, recomendo treinar em um retalhinho qualquer, e dar uma olhada nesse tutorial.
5. Cortar as aparas que excedem a medida dos moldes. Posicione o molde sobre o material já quiltado, risque com um giz, remova o molde e depois corte.
Dica: Evite aparar o tecido com o molde sobre ele, eventualmente a tesoura pode danificar o molde e o manuseio do tecido com o papel muitas vezes gera cortes tortos.
6. Corte tiras com 4 cm de largura no tecido que preferir, este será o debrum que contornará o bolso e dará acabamento. Se for preciso emendar um no outro, faça como se emenda viés, para que não fiquem grosseiras num mesmo ponto devido às margens de costura. Para emendar posicione direito com direito do debrum, formando um “L”, ou seja, em ângulo de 90º, faça uma costura na diagonal (45º) com arremates conforme a segunda imagem abaixo, depois corte o excesso de tecido a 1 cm da costura, abra o debrum e abra também as margens de costura. A tira não pode apresentar desníveis quando aberto.


7. Costure o debrum na beirada superior dos bolsos. Coloque o direito da tira de debrum com o direito do forro. Arremate no início e no final da costura com o botão de retrocesso.
8. Vire para o lado direito do bolso, dobre a borda livre do debrum e se for necessário passe à ferro para vincar melhor. Se este é seu primeiro debrum, recomendo alinhavar com linha de cor bem diferente antes de ir para a máquina pespontar as beiradas.

Dica: Alinhavar é um pouco demorado para os mais impacientes, mas garanto que desmanchar costura de máquina demora ainda mais. Se você já está craque em debrum, alguns alfinetes farão o trabalho, e aí é só pespontar as beiradinhas do debrum à máquina. Para os mais perfeccionistas, pontos invisíveis nas beiradas dão um acabamento ainda melhor!
9. Empilhar sobre a base o bolso maior, e depois o bolso menor, alfinetar todos juntos (abaixo-esquerda). Faça uma costura com o maior ponto da máquina e sem retrocesso, para unir os bolsos à base. Se utilizar fibra muito grossa você pode chulear as bordas de todo o bolso em máquina overloque ou no próprio Zigue-zague da máquina reta (abaixo- direita).


10. Hora de costurar o debrum ao redor do trabalho. Comece colocando a face direita do debrum de encontro com a face direita do tecido do forro/atrás de seu bolso de cama. Inicie na parte superior, pois esta emenda ficará escondida embaixo do colchão. Disponha o debrum ao redor do trabalho para verificar se a medida será suficiente ou se serão necessárias emendas.
11. Inicie a alguns centímetros do primeiro canto, deixando sobra de debrum para trás, pois ela será necessária para a emenda logo mais adiante.

12. Ao chegar a 1cm dos cantos (sinalize com um alfinete para não esquecer de parar), faça retrocesso, erga agulha e pé calcador, gire o trabalho em 90º. Dobre a tira de debrum em 45º para cima, e depois para baixo tendo como referência a borda do tecido de baixo. Ela formará uma diagonal escondida. Então reinicie a costura bem próximo da borda, fazendo retrocesso.
(Observe na sequência de imagens abaixo)









13. Após contornar quase todo o bolso com o debrum, finalize a costura a pelo menos 10cm de onde ela iniciou. Esta margem será útil para emendarmos a tira de debrum e o acabamento ficar perfeito. ->
14. Em uma das pontas do debrum que estão livres faça uma dobra a 45º para cima.Vinque com ferro de passar esta dobra.
15. Na ponta oposta, siga a direção do debrum como se continuasse a costura anterior, assim as tiras irão se sobrepor. Alfinete uma com a outra  e costure no local indicado na imagem abaixo. A costura inicia no ponto exato da diagonal onde um debrum encontra com o outro.(Veja sequência de imagens abaixo)


16. Emende as tiras de debrum, abra a costura e corte os excessos de tecido.


17. Finalize a costura do debrum ao bolso de cama do ponto onde parou no passo 13 até onde a costura teve início.
18. Do lado direito iremos dobrar o debrum 1cm e vincar, e outra dobra mais uma vez, cobrindo de leve a costura anterior (feita no lado do forro).

19. Vire mais uma vez até encontrar e cobrir de leve a costura anterior. Vá alfinetando. Quando chegar próximo ao canto, vinque a dobra de maneira contínua, ela formará uma diagonal, como a da imagem abaixo-esquerda. Dobre o debrum na altura onde está a borda do bolso até cobrir a costura anterior e alfinete. Deve ficar como a imagem abaixo à direita.

20. Agora faça uma costura na beirada do debrum pelo lado direito do bolso de cama. Se preferir alinhave primeiro, ou costure com pontos invisíveis.
21. Para camas tipo box: Corte duas tiras de velcro áspero e costure próximo à parte superior do bolso, pelo lado do forro/fundo.
Para camas de madeira: não é preciso costurar velcro, você pode fixar o bolso com tachinhas na madeira, pela parte interna da cama, ou utilizar alfinetes de segurança prendendo o bolso ao colchão.
Está pronto! Agora é só instalar na sua cama e deixar seu quarto ainda mais aconchegante.
creditos:anavivian
Álbum 25--------------página Eu Amo Artesanato
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito(Jesus), para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
João 3:16--------------------LEIA A BÍBLIA
Blogger Wordpress Gadgets Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...